Sair do WhatsApp para o Signal, esqueça o Telegram

Sair do WhatsApp para o Signal!? Entenda porque você deve deixar o WhatsApp para o Signal, não ser um novo usuário do Telegram… Quando o WhatsApp atualizou sua política de privacidade para permitir o compartilhamento dos dados de seus usuários com o Facebook, que comprou o WhatsApp em 2014, os usuários começaram a abandonar a plataforma do Telegram e Signal.

O que é Signal? Signal é um mensageiro instantâneo criptografado multiplataforma desenvolvido pela Signal Foundation. Hoje milhões de pessoas usam o mensageiro Signal todos os dias para comunicação gratuita e instantânea em qualquer lugar do mundo. Com ele, é possível enviar e receber mensagens de alta fidelidade, participar de chamadas de voz/vídeo HD e explorar um conjunto crescente de novos recursos que ajudam o usuário a se manter conectado 24 por dia.

Porque sair do WhatsApp para o Signal.

A tecnologia avançada de preservação de privacidade do Signal é ativada por padrão, então, você pode se concentrar em compartilhar seus momentos mais importantes com as pessoas que são importantes para você sem se preocupar em ser espionado.

Sair do WhatsApp para o Signal, esqueça o Telegram

Atualização do Whatsapp.

Embora esta atualização não afete os usuários da UE e do Reino Unido, aqueles nos EUA, Austrália, Ásia, Brasil etc. serão forçados a concordar com esse novo compartilhamento de dados ou perderão o acesso ao WhatsApp em 8 de fevereiro.

Somente com o burburinho o Telegram já informou que mais de 25 milhões de pessoas aderiram ao serviço em apenas 72 horas, elevando o total de usuários ativos para meio bilhão.

A Signal não foi diferente, nos últimos dias teve um grande aumento nos números de novas inscrições. Mas o apoio é forte e conclusivo, depois que Elon Musk tweetou “Use Signal” – e logo depois Edward Snowden retuitou – o aplicativo teve uma grande explosão no aumento de novos usuários, tornando-se o aplicativo mais baixado, o número um no iOS.

Snowden foi mais longe, dizendo “Eu uso todos os dias e ainda não estou morto”.

Mas para quem está pensando em sair do WhatsApp, qual é a melhor escolha: Sinal ou Telegrama? Em uma pesquisa recente que analisa sobre aplicativos de mensagens seguras: contatou que o Signal tem melhores recursos de privacidade e segurança prontos para uso do que o Telegram.

Sinal vs. Telegram.

Para avaliar os aspectos de privacidade e segurança do Signal and Telegram, foi examinado os vários aspectos técnicos desses aplicativos de mensagens seguras e esses são alguns para motivar você sair do WhatsApp. quando a atualização chegar.

Aqui estão alguns dos resultados:

Sinal Telegrama
Plataformas Windows, Android, iOS, macOS, Linux Windows, Android, iOS, macOS, Linux
Segurança padrão? Seguro por padrão Não seguro por padrão
Protocolos de transferência Https / SIP sobre WebSockets Https / SIP sobre WebSockets
Criptografia usada Protocolo de sinal (X3DH + Double ratchet + AES-256) MTProto 2.0 (AES-256, AES IGE IV 256)
Chaves-troca e primitivas criptográficas Pre-keys + Curve25519, HMAC-SHA256 Chave compartilhada persistente gerada via DH, KDF, Double SHA-256

Como você pode ver, ambas as plataformas são compatíveis na maioria dos aspectos, com a maior variedade na criptografia que usam e na troca de chaves e primitivas criptográficas. Essas plataformas usaram variações de RSA e AES para criptografia e hashes de chave – que são alguns dos algoritmos de criptografia mais seguros disponíveis atualmente.

Mas a maior razão pela qual o Signal vence o Telegram é que o Telegram não é seguro por padrão.

Para ser justo: isso não quer dizer que o Telegram como um produto carece de segurança de forma significativa, mas sim que o Telegram não fornece seus recursos importantes prontos para uso.

Esse recurso é a criptografia ponta a ponta crucial que, estranhamente, o WhatsApp usa por padrão. Na criptografia ponta a ponta, apenas o remetente e o destinatário podem visualizar as mensagens. Sem a criptografia de ponta a ponta, o servidor do aplicativo de mensagens que fica entre o remetente e o receptor pode ser capaz de ler as mensagens.

Isso significa que, se o usuário estiver usando o aplicativo pronto para uso, sem alterar as configurações, ele ainda terá mais proteções no WhatsApp do que no Telegram. Isso é ruim, é claro, já que um estudo mostrou que cerca de 5% das pessoas alteraram suas configurações em um determinado aplicativo, enquanto os outros 95% mantiveram as configurações padrão.

Nota: Embora não seja possível ter certeza de como esse número aparece especificamente para o Telegram, também temos que presumir que a maioria das pessoas não se preocupa com a privacidade e a segurança como deveria ser feito.

O Telegram tem pelo menos 500 milhões de usuários ativos agora, e seu recurso de mensagens criptografadas de ponta a ponta, chamado Secret Chat, é provavelmente omitido pela maioria de seus usuários.

Whatsapp vs. Sinal vs. Telegram

Histórico de vulnerabilidades do Signal e Telegram

É claro que há muitos bons motivos pelos quais as pessoas deveriam sair do WhatsApp para usar aplicativos de mensagens instantâneas mais seguros. Um desses motivos é que o WhatsApp teve muito mais vulnerabilidades críticas do que o Signal ou o Telegram.

Por exemplo, há uma época em que os invasores conseguiam instalar spyware israelense no telefone de um alvo simplesmente ligando para ele pelo WhatsApp.

Embora não seja tão ruim, o Signal também teve sua cota de problemas: foi vítima de um ataque bastante complexo em que alguém podia escutar ao seu redor fazendo uma espécie de chamada fantasma – ligando para você pelo Signal e pressionando mudo sem a chamada ser vista, para escutar suas conversas.

Leia também: 12 razões para usar Instagram na sua empresa

O Telegram, por sua vez, tinha uma vulnerabilidade em que invasores podiam substituir arquivos de áudio e imagem enviados em sua plataforma.

E isso sem falar no acesso a esses aplicativos para o governo que, dependendo de onde você estiver no mundo, pode ser um problema. Em Hong Kong, um bug do Telegram foi explorado pelo governo chinês para vazar os números de telefone dos usuários. Pesquisadores alemães também descobriram que WhatsApp, Signal e Telegram estavam expondo os dados pessoais dos usuários por meio da descoberta de contatos.

Nota: cada aplicativo, programa ou site da Web que você está usando atualmente tem ou terá suas vulnerabilidades ou bugs, e isso é um fato inevitável.

No entanto, a principal lição aqui é esta:

  1. Signal e Telegram, como alternativas ao WhatsApp, terão várias vulnerabilidades.
  2. Se você tiver criptografia de ponta a ponta, essas vulnerabilidades podem ser mitigadas.
  3. Tudo o mais sendo igual, porque a maioria das pessoas provavelmente manterá as configurações padrão, a maioria das pessoas ficará melhor com o Signal.

Claro, se você quer sair do WhatsApp é mais um usuário do Telegram do que um usuário do Signal, isso pode ser facilmente corrigido: use apenas Chats Secretos no Telegram.

No iOS, basta abrir o perfil do usuário que deseja contatar. Toque em “Iniciar bate-papo secreto”. Para Android, você deve tocar no ícone de lápis no canto inferior direito e selecionar “Bate-papo secreto”.

Infelizmente, você terá que fazer isso conversa por conversa.